No Sul, setor avícola enfrenta dificuldades no mercado de grãos, e pedidas atingem R$110

18/Mar 2022 08:42  - Atualizado 4 meses atrás

mercado do milho podcast Rio Grande do Sul Santa Catarina Sul

No sul do Brasil, o setor avícola vem enfrentando muitas dificuldades no mercado de grãos, em especial a falta de milho, em detrimento da estiagem que se repete nos últimos três anos. Aliado a esse problema, há ainda as consequências da pandemia e, mais recentemente, os efeitos do conflito no Leste Europeu. Para suprir os plantéis de aves e suínos, as agroindústrias do setor estão importando milho de outros estados, da Argentina e Paraguai.

Os dados mostram perdas superiores a 40% nas culturas de verão no Rio Grande do Sul. O estado ainda vive os efeitos da escassez hídrica provocada pelo fenômeno La Niña. Segundo os números, o estado deve colher somente 13,1 milhões de toneladas de grãos.

Quanto à comercialização do grão, no Rio Grande do Sul, o mercado segue movimentado diante dos preços de exportação. Os negócios chegam até R$114, com compradores de mercado interno de R$108 a R$111 CIF. Já em Santa Catarina, as ideias atingem até R$110 no porto para abril, com pedidas no interior de R$105 a R$107, mas sem alto volume de negociação.

Thiago Carvalho